Solicite sua cotação
Logo | Whare Seguros

Como ficam as carências na troca do Plano de Saúde?

16/02/2022
|
3 min.

Uma das dúvidas mais comuns ao fazer a mudança do Plano de Saúde é em relação ao período de carência deste novo contrato. É possível reduzir os prazos, de acordo com as regras de cada plano.

Quem contrata um plano de saúde não precisa ficar para sempre com o mesmo produto. É possível migrar para um plano com melhor cobertura, ou que seja mais econômico e até mesmo escolher uma nova Operadora de Saúde. 

Nesse caso, como ficariam as carências, aquele prazo que precisamos aguardar para começar a usufruir de determinados serviços que o Plano de Saúde oferece? Fazendo essa troca será necessário esperar de novo esse tempo? O que vai acontecer com as carências na hora de trocar o plano?

Preparamos este artigo para explicar como funciona essa questão. Continue lendo para conferir! 

Quais são as Regras para Trocar de Plano sem ter carência?

É possível fazer a troca do Plano de Saúde e ter isenção ou redução do período de carência, desde que sejam cumpridas algumas condições.

A primeira é que o Plano de Saúde de origem deve ter sido contratado após 01/01/1999, ou então, ter sido adaptado à Lei dos Planos de Saúde. 

Outra condição é que haja um tempo de permanência mínimo no plano anterior para redução dos prazos de carência. Em algumas Operadoras o tempo mínimo pode ser de 3 ou 6 meses; a partir de 12 meses de permanência, é possível isentar boa parte das carências, com exceção de partos e doenças/lesões preexistentes

Em Quais Situações é Possível fazer essa Troca?

De acordo com Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) existem alguns casos em que é possível fazer a troca do Plano de Saúde sem cumprir o tempo de carência ou de cobertura parcial e temporária do novo plano. Veja a seguir quais são esses casos, de acordo com o site da ANS.

Migração

Pode mudança de plano de saúde dentro da mesma operadora?

Na migração o beneficiário faz a troca de um plano de saúde por outro oferecido pela mesma operadora. Nesse caso, fica valendo a regra de contratação até janeiro de 1999 e conforme a Lei nº 9.656 de 1998.

Adaptação

Aqui, o plano que foi contratado até janeiro de 1999 passa por algumas alterações para se adequar à lei. A operadora mantém o plano original, mas faz a aditivação do contrato para ampliar o conteúdo. Assim, ele passa a atender aquilo que está previsto na lei.

Portabilidade de Carência

É possível contratar um novo plano de saúde da mesma operadora ou de outra operadora quando o período já foi cumprido no plano original. É válido para quem contratou planos a partir de 2 de janeiro de 1999, desde que esteja de acordo com as regras da Resolução Normativa nº 438/2018.

Portabilidade Especial

A portabilidade especial é oferecida para todos os beneficiários do Plano de Saúde, sendo uma opção válida para aqueles que utilizavam os serviços de uma operadora que esteja deixando o mercado, seja por cancelamento de registro ou por declaração de falência.

Portabilidade Extraordinária

Esse tipo de portabilidade é conferido em algumas situações excepcionais, sendo decretado pela Diretoria Colegiada da ANS. É adotada quando não é possível seguir o que está determinado na Resolução Normativa nº 438/2018. Ela também pode ser decretada por uma Resolução Operacional específica da ANS, que vai estabelecer as regras para fazer a portabilidade.

Como você pode ver, existem várias situações em que é possível trocar de plano e ter isenção ou redução do período de carência. É importante contar com a ajuda de um dos especialistas da Whare para avaliar a sua situação e, assim, encontrar o Plano de Saúde ideal para você e sua empresa.

imagem de capa para assinatura de pedro oliveira
Pedro Oliveira
Administrador de empresas e corretor de seguros.
Sócio diretor da Whare Consultoria em Planos de Saúde e Benefícios.
Experiência de 17 anos na área de planos de saúde.
Susep 20.2023853.3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Todos os campos são obrigatórios
  1. Para migração de regional para nacional, o tempo de permanência em planos anteriores dentro da mesma operadora, pode ser contato pelo CPF ou essa contagem é feita pelo CNPJ da empresa aonde trabalho. Exemplo, trabalhei em 3 empresas, com plano de saúde da mesma operadora: 1. Nacional (10 anos) 2. Regional (3anos) e o último atual, regional também há 3 anos. Agora, dentro da mesma empresa gostaria de migrar para o nacional. A carência conta a partir de qual momento?

    1. Abaixo alguns comentários para te ajudar com essa dúvida:

      - O tempo de permanência é sempre vinculado ao seu CPF, independente da empresa para a qual você trabalhava.
      - Caso você queira "somar" o tempo de permanência de dois planos diferentes, é necessário que não tenha havido nem um dia de intervalo entre o término de um e o início de outro (ou seja, você não pode ter ficado sem cobertura).
      - É importante se atentar às regras de cada Operadora pois pode não haver aproveitamento de carências se o plano de origem e de destino não forem equivalentes/compatíveis.
      - Em contratos empresariais, como no seu caso, podem haver condições específicas de acordo com o número de vidas da apólice e condições negociadas entre empresa contratante e Operadora.

      Se precisar de mais alguma informação, fique a vontade para entrar em contato comigo pelo nosso WhatsApp (11) 5531-7216.

      Atenciosamente,
      Equipe Whare

Descubra se as doenças e lesões preexistentes impedem a contratação do Plano de Saúde e o que acontece nessas situações.
Ler Mais
Veja quais são as principais características do Plano de Saúde coletivo por adesão para conhecer um pouco mais sobre essa alternativa para grupos especiais.
Ler Mais
1 2 3 50
Faça sua cotação aqui!
Aproveite melhores condições ao contratar um plano de saúde de acordo com a sua formação/profissão ou categoria estudantil.
Hospitais de preferência, quanto deseja pagar ao mês, plano de saúde atual (se tiver) e etc.
*A redução de até 40% é com base no histórico de vendas realizadas para clientes com plano vigente há mais de 2 anos.
Plano de saúde empresarial para pequenas e médias empresas de 2 a 199 vidas com o CNPJ ativo. A disponibilidade e as características das redes médicas, preços e/ou benefícios estão sujeitas a alterações e podem variar conforme a operadora de saúde escolhida e as condições contratuais do plano adquirido. A aquisição de um plano de saúde empresarial trata-se de uma nova contratação e não implica na manutenção e/ou continuidade de planos anteriormente contratados. Este material contém informações resumidas, para mais informações sobre cobertura, rede médica, CPT, carência, preço e benefício entre em contato com um consultor.

CNPJ: 32.291.145/0001-85
WhareCorp Consultoria e Corretora de Seguros Ltda 
Todos os direitos reservados © 2024
Site atualizado em:
14:58 | 28/02/2024
Faça sua cotação via WhatsApp!
magnifiercross